A poesia na sala de aula

A poesia é a fala do coração. Use-a para aproximar-se do seu aluno e ajudá-lo a desenvolver o gosto e o prazer pela leitura.
A conquista nasce de um carinho, de um toque, de uma palavra certa na hora certa.
Não desperdice oportunidades. Se for preciso, crie, invente... Deixe a imaginação voar livremente.


"Sei que meu trabalho é uma gota no oceano, mas sem ele, o oceano seria menor ". Madre Teresa de Calcutá.

“Educar é como dirigir em uma estrada cheia de curvas, exige atenção redobrada, pois, à medida que avançamos, um pouco mais nos é revelado". Silvia Trevisani

"Toda mudança começa primeiro em nós".

terça-feira, 14 de agosto de 2012

APENAS POESIA

 

Decidi acordar de mim,
rasgando meus costumes.
Decidi que seria assim:
às claras e à lume.
Decidi mudar os verbos,
 entregando-me ao vento.
Decidi fazer versos,
até ruir meu pensamento.
Decidi levantar os olhos,
e ver além da vaidade.
Decidi jogar os abrolhos
e cobrir-me de verdade.
Enfim, decidi ser crua,
Ser nada de uma fatia.
Deixar a alma seminua
e ser apenas poesia.
Silvia Trevisani

Um comentário:

Márcio Luiz Soares disse...

Decididamente poesia. Pura.